E-mail e Telefone

| Telefone: (91) 3225-0814
email

Ampep apoia evento do Novembro Azul

Em adesão à campanha internacional “Novembro Azul”, o Ministério Público do Estado do Pará vai realizar na próxima terça-feira, 8 de novembro, a partir das 8h, a roda de conversa "A saúde do homem e o Câncer de Próstata", que segue dentro da programação do Movimento de conscientização da saúde do homem. A programação acontecerá no auditório Nathanael Leitão, do edifício sede e tem como público alvo, os integrantes do MPPA (membros, servidores e estagiários) e comunidade em geral.  O evento terá o apoio da Associação do Ministério Público do Estado do Pará (Ampep).

Organizado pela Promotoria de Justiça de Direitos Constitucionais e dos Direitos Humanos de Belém, o evento conta com a parceria das promotorias da saúde, Centro de Estudos e Aperfeiçoamento e Funcional (Ceaf), Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) e Secretaria Municipal de Saúde (Sesma).

A campanha “Novembro Azul”, voltada ao público masculino é uma iniciativa que visa ampliar a compreensão sobre os desafios no controle do câncer de próstata, com o objetivo de divulgar a importância da prevenção e da realização do exame de próstata. Esse tipo de câncer é um dos maiores causadores de morte oncológica em homens, com mais de 2 milhões de casos por ano, no Brasil. A campanha estimula a participação da população, empresas e entidades.

Para a promotora de Justiça Suely Catete, que atua na área da saúde, esses tipos de campanhas são fundamentais e têm causado efeito aos que participam. “O foco da campanha é a prevenção. Infelizmente o homem não tem a prática de se cuidar, de trabalhar a prevenção. O câncer de próstata é a consequência de não se trabalhar a prevenção é o segundo tipo de câncer que mais afeta os homens. A maioria dos cânceres estão relacionados a nossa cultura e o homem possui uma cultura de não se cuidar. Nosso foco é justamente trabalhar essa mudança de comportamento”, explicou a promotora.

Além de conversa sobre o assunto, alguns serviços serão prestados no evento. Os participantes poderão fazer alguns exames e tirar a carteirinha do Sistema único de Saúde (SUS), apresentando os documentos necessários: carteira de identidade, CPF e comprovante de residência. As secretarias também se comprometeram de fazer alguns encaminhamentos para o Antígeno Prostático Específico (PSA)

As inscrições para participação da Roda de Conversa podem ser feitas clicando AQUI.

Texto: Assessoria de Imprensa do MPPA


Publicado em: 01.11.2016