| Telefone: (91) 3222-8742
email

Ampep prestigia posse de procurador

A Associação do Ministério Público do Estado do Pará (Ampep) prestigiou nesta quarta-feira, 22, o ato de posse do novo procurador de justiça cível Nelson Pereira Medrado. O vice-presidente Alexandre Marcus Fonseca Tourinho representou o presidente Samir Tadeu Moraes Dahás Jorge. A cerimônia foi realizada no salão nobre do Ministério Público do Estado (MPE) em Belém. Também estavam presentes membros do MP Federal e do Trabalho, associados da Ampep e servidores do MPE, além de familiares.

Em sua saudação, Alexandre Tourinho, em nome da presidência e de toda Associação, parabenizou Medrado. “Se tem um membro com todos os predicados para exercer essa função, esta pessoa é vossa excelência. Um verdadeiro representante da coletividade e do povo paraense. Quando fala, expressa tudo aquilo que sentimos e gostaríamos de fazer”, resumiu.

Nelson Medrado declarou que a procuradoria não é uma zona de conforto. Para ele, quando se assume tal cargo é preciso mostrar preocupação e não apenas espírito festivo – e isso é o que faz obter sucesso. Frisou que soube que há 12 anos nunca houve condenação de nenhum prefeito investigado pelo MP do Pará. “Esta situação tem que ser mudada. Vou sentar, pegar os processos e estudar. Alguma coisa tem que ser feita. Eu me sinto com essa responsabilidade. As pessoas estão esperando. A minha intenção é acertar”, adiantou. 

  

O procurador-geral de justiça Marcos Antônio Ferreira das Neves afirmou que “ser promotor é trilhar o caminho da dificuldade. Temos o compromisso de lutar pela justiça. E você, Nelson, por onde passou fez a diferença. Tenho confiança de que seu trabalho será desempenhando da melhor maneira possível. Medrado vem para somar e abrilhantar o Colégio de Procuradores de Justiça com a sua vontade de trabalhar”. Neves aproveitou a oportunidade para apresentar os cartazes da campanha do MPE contra a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 37 e do Projeto de Lei da Câmara (PLC) 132.

CARREIRA – Medrado foi aprovado em concurso público e ingressou no MP em 1985. Atua desde 1993 em Belém. Nos dois últimos anos, exerceu suas funções na promotoria de justiça de Direitos Constitucionais Fundamentais, Defesa do Patrimônio Público e da Moralidade Administrativa.

Já foi responsável pela investigação de casos de destaque. O último de grande repercussão foi o Caso Alepa. Outros que se sobressaem na longa carreira do promotor são a busca e apreensão por conta dos desvios praticados por servidores do Instituto de Previdência e Assistência de Belém (Ipamb) e também a investigação que resultou na prisão do ex-governador Carlos Santos logo após a sua saída do governo do Pará.

Veja abaixo mais fotos da posse:

       
 

 

Texto e fotos: Nair Araújo
Assessoria de Imprensa da Associação do Ministério Público do Estado do Pará
(91) 3222-8742
imprensa@ampep.com.br
http://www.facebook.com/ampepoficial


Publicado em: 22.05.2013