| Telefone: (91) 3222-8742
email

Missa homenageia Graça Azevedo

Cerca de oitenta pessoas, entre amigos e familiares, participaram na sexta-feira, 27, de uma missa na Igreja dos Capuchinhos em memória do um ano do falecimento da procuradora de justiça Maria da Graça Azevedo Silva. A celebração foi organizada pela Associação do Ministério Público do Estado do Pará (Ampep), entidade da qual Graça Azevedo foi presidente de 2002 a 2004. O celebrante foi o padre Edvaldo Amaral.

Graça Azevedo ingressou no Ministério Público em 1985, após realização de concurso público. Sua primeira comarca foi a de Jacundá. Trabalhou em mais de 20 cidades do Pará, entre elas Tucuruí e Bragança. Já na terceira entrância, foi coordenadora das promotorias de justiça de cidadania e defesa comunitária.

Foi membro titular do Conselho Estadual do Meio Ambiente e sócia fundadora da Associação Brasileira do Ministério Público do Meio Ambiente. Em 2004, foi promovida pelo critério de merecimento ao cargo de Procurador de Justiça. No final de 2012, foi eleita e nomeada procuradora-geral de justiça do Parquet paraense. Porém, em 28 de dezembro, meses antes de assumir o cargo, foi vítima de um acidente de carro na rodovia PA-234, km 30, no município de Nova Timboteua.

Também foram vítimas fatais da colisão Rita de Andrade Ribeiro Portal, 67 anos, conhecida como tia Rita, que vinha no carro da procuradora e Alan Marcelo Pereira Ribeiro, 36 anos, servidor do Tribunal de Contas dos Municípios, que estava no veículo que vinha em sentido contrário.

 
AMPEP – Imprensa
Fotos: Felipe Elleres


Publicado em: 28.12.2013