E-mail e Telefone

| Telefone: (91) 3225-0814
email

MPPA adere ao Outubro Rosa

O Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) adere ao movimento internacional “OUTUBRO ROSA”. Para registrar a adesão do MPPA a campanha, no combate ao câncer de mama, a sede do Ministério Público em Belém do Pará ostenta em sua fachada um grande laço róseo seguido da frase: “Ministério Público do Estado do Pará, de Rosa, no Combate ao Câncer de Mama”. 

Também estão sendo distribuídos pequenos laços que devem sem colocados nas roupas para que os membros e servidores demonstrem apoio à causa. A campanha tem por objetivo o de conscientizar as mulheres sobre a importância da prevenção do câncer de mama.“No Pará somos campeão de câncer do útero e estamos entre os primeiros no câncer de mama. Temos que mudar essa realidade. E já. Por isso estamos nessa luta pela prevenção do câncer de mama”, diz a promotora de Justiça Suely Regina Aguiar Cruz da Promotoria de Saúde do MPPA.

DADOS – No Brasil, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), em 2014 a estimativa é que ocorram 57.120 novos casos de câncer de mama, que é o tipo de câncer que mais mata mulheres no país. A taxa de mortalidade ainda é alta, comparada a dos países desenvolvidos, muito provavelmente porque a doença ainda é diagnosticada em estágio avançado.

MOVIMENTO – O “OUTUBRO ROSA“ começou em 1997 nos Estados Unidos nas cidades norte-americanas de Yuba e Lodi. Entidades da sociedade civil organizaram ações locais durante esse mês com o objetivo de chamar atenção para a importância do diagnóstico precoce da doença. Entre as atividades realizadas estão desfiles de moda, corridas e partidas esportivas.

No Brasil, a primeira adesão ao movimento ocorreu em 2002, com a iluminação do Mausoléu do Soldado Constitucionalista, em São Paulo. A partir de 2008 a campanha ganhou força no país, e envolveu cidades como Rio de Janeiro, Porto Alegre e Brasília, dentre outras.

 

Texto e foto: Assessoria de Imprensa do MPPA


Publicado em: 17.10.2014