AMPEP

Notcias

Home / Notcias / Nota de Pesar Juiz Elder Lisboa

Nota de Pesar Juiz Elder Lisboa

Data: 20/07/2018

É com imenso pesar que a Associação do Ministério Público do Estado do Pará (Ampep) lamenta o falecimento do magistrado paraense Elder Lisboa, que foi membro ministerial de 1991 a 1993. O juiz era uma referência na área de Direito, com ênfase em Direito Penal e Direitos humanos. Ingressou no Judiciário em setembro de 1993.

Era membro do Centro de Estudos da Mulher com Sede em Salamanca (Espanha) na qualidade de Investigador. Nesta universidade, fez pós-doutorado, enquanto que pela Universidade de Lisboa (Portugal), fez PHD em Ciências Jurídico Internacionais e Europeias. Era professor em ambas universidades.

Em Belém, era professor adjunto da Universidade Estácio (FAP), da Esamaz e da Escola Judiciária Eleitoral do Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Pará (TRE). Também era membro do Grupo de Pesquisa Trabalho Escravo Contemporâneo e questões correlatas da cidade do Rio de Janeiro e foi um dos Relatores em Turim-Itália no Programa das Nações Unidas sobre o sistema carcerário, no Brasil e Itália, além de membro da Comissão de Direitos Humanos do Tribunal de Justiça do Pará (TJPA).

Foi autor de 15 livros, o último foi lançado no último dia 13 de junho: Escravidão no trabalho: Os pilares da OIT e o discurso Internacional. No último dia 17 de maio de 2018, havia se tornado membro da Academia Paraense de Letras, onde ocupou a cadeira número 12, que pertenceu a escritora Helena Tocantins e cujo patrono é o bispo D. Macedo Costa.

Com informações da Coordenadoria de Imprensa
Foto: Ricardo Lima